Portugaltunas - Tunas de Portugal

Da Representatividade de uma Tuna
Editorial 0/5 (0 votos)

Da Representatividade de uma Tuna

Não Há Qualquer Regra Universal, Abstrata E Geral Que Dite Umas Serem "mais Tunas" Que Outras E Vice Versa. Aliás, Quem Diz Tal Apenas Promove Segregação Entre Tunas - E Não União.

Mais um apontamento quanto ao pseudo dogma - para alguns, poucos... - referente à questão da representatividade.


Tomemos como exemplo o circuito ibérico de Quarentunas, que irá realizar proximamente o XXV Certame Internacional de Cuarentunas, que este ano acontecerá de 14 a 16 de outubro em Benidorm. Verificando o historial das várias participantes, encontramos alguns que, a dado passo, dizem o seguinte - e a itálico a parte substantiva que alude ao tema:


"Fundada en el año 2017, la ATUA Antiguos Tunos Universitarios de Alicante está formado por Antiguos Tunos que residen en la actualidad en Alicante, por tanto, no todos los componentes pertenecieron exclusivamente a las Tunas alicantinas, sino que está formado este grupo por antiguos miembros de diversas Tunas del panorama nacional."


"...a Cuarentuna Universitaria de León fundada a 27 de Março de 2017 (...) Sus componentes provienen en su mayoría de la antigua Tuna Universitaria de León, aunque también hay miembros de otras formaciones leonesas, y de fuera de la provincia que han solicitado el ingreso en esta asociación."


"Desde el certamen celebrado en Marbella en 1995, participamos cada año en los certámenes como la “Cuarentuna de Holanda”. En el año 2003 varios cuarentunos de Alicante entran a formar parte de nuestro grupo, creándose el DACH, Departamento Alicantino de la Cuarentuna de Holanda."


"...a muito galante, andarilha e andarina, egregia, trovadora, leguleya, beberega e comeriega, Sanferminera, Navarrica, Pamplonica, Noble, Imperial e Ilustre Quarentuna de Pamplona, é lisonjeada pelas damas e invejada pelos homens. É formada por Galenos, vários de Direito e outros tantos de Desfato, Engenheiros... e outra pessoa."


Ora, a nossa única representante neste circuito - a Tuna de Veteranos de Viana do Castelo - é composta e cito-os, "por antigos universitários que nasceram, vivem, trabalham, ou simplesmente amam a nossa bela cidade, fruto de uma ideia antiga de um grupo de tunos provenientes de várias Academias - Univ.Minho, Univ.Fernando Pessoa, Univ.Católica Portuguesa, Fac.Engenharia do Porto, Univ.Lusíada, Univ.Coimbra, Inst.Politécnico de Viana do Castelo - que ao findarem os seus estudos e iniciarem a vida activa decidiram juntar-se e partilhar as diferentes experiências Académicas através daquilo que lhes era comum: a música."


Não sendo uma tendência - da mesma forma que as que representam exclusivamente uma Cidade, Universidade, Faculdade e afins, não o são - não deixa de ser relevante verificar alguns pontos:


1) De todo é "tradição tuneril" a exclusividade da representação de uma dada cidade, Universidade, Faculdade e afins: Basta ver, p.ex. as datas de fundação de algumas supracitadas;


2) De todo é regra a exclusividade de representação ou a não exclusividade da mesma: Aliás, não existe qualquer regra e a história tuneril prova-o;


3) Não sendo trend - como dito antes - verifica-se, antes de tudo, uma clara vontade de sobrevivência, integração (logo, não discriminação em razão de origem) e agregação de pessoas, acima de qualquer outro pré conceito, seja ele mais ou menos ortodoxo e/ou dogmático.


Mais do que a opinião, os factos - e mais uma vez - é que ponderam. Se as há - por vontade apenas própria - representantes apenas e só de algo, também as há - e pela mesmíssima razão - as que têm um âmbito mais largo, integrador e abrangente.


Por essa mesma razão, não há qualquer regra universal, abstrata e geral que dite umas serem "mais tunas" que outras e vice versa. Aliás, quem diz tal apenas promove segregação entre tunas - e não união.


Aliás, se atentarmos à história tuneril, nem sequer é nada de novo - incluindo nas tunas estudantis ditas regulares.



RT
Sobre uma pretensa superioridade do tema Original
Editorial 0/5 (0 votos)

Sobre uma pretensa superioridade do tema Origina...

Que a criação deve ser acarinhada e louvada, quando o mereça, é um facto. Mas não há na apresentação de originais outro mérito que não aquele que caiba individualmente ao seu compositor."...

ler mais

{comentarios}
O Aleivoso negacionista pop
Editorial 0/5 (0 votos)

O Aleivoso negacionista pop ...

Desprezar ou não perceber as evidências de forma consciente é um comportamento bastante comum entre os negacionistas....

ler mais

{comentarios}
        19 anos. 6935 dias.
Editorial 0/5 (0 votos)

19 anos. 6935 dias....

Como em tudo na vida, com momentos de vários tipos, uns melhores, outros nem por isso. Faz parte de quem tem lastro, percurso, história e histórias para contar. Não somos, por tal, produto d...

ler mais

{comentarios}
E Agora?
Editorial 0/5 (0 votos)

E Agora?...

Antes de mais, à semelhança desta crónica, este regresso está consciente do fosso temporal. É inevitável fazer esta ponte....

ler mais

{comentarios}

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8

Parceiros