Portugaltunas - Tunas de Portugal

R T

O valor do que realmente é importante...

Boa tarde!

Lendo uma noticia sobre dado certame entretanto ocorrido, num comentário á mesma notícia temos o seguinte texto:

"...Quanto ao prémio de melhor original, no final da entrega dos prémios dirigimo-nos ao Magister da Transmontuna e devolvemos o prémio uma vez que o tema "Noites de Ronda" não é um original da Tuna de Medicina do Porto (apenas a letra é nossa). No entanto passados alguns momentos voltamos a encontrar o magister da Transmontuna que nos devolveu o prémio pois tinha havido um erro na entrega e o tema premiado com o prémio de melhor original foi "Conquista" esse sim original da TMP. Obrigado, Saudações Académicas." (fim de citação).

Não me ocorre mais nada senão dizer "é de Tuna, carago!". Esta nobreza de carácter é algo que - e nos dias de hoje onde tudo se mede pela dictomia ganhou/perdeu - ainda reúne mais mérito, valor e por isso, consideração por quem a fomenta e reproduz. Para mim vale muito mais uma atitude deste calibre do que qualquer prémio ganho/perdido, definitivamente. O respeito que esta atitude respeitosa consegue reunir é na directa proporção do acto. Acto esse tão simples quanto coerente e que infelizmente nas tunas nacionais não é uma prática corrente, muito pelo oposto - e tanta tuna há que "tomou" como sendo seus temas que de todo lhe pertecem, sejam adaptações ou não.

Parabéns, Tuna de Medicina do Porto. A juntar ao Vº reconhecido Bem Fazer somaram o Bem Ser, o que é mais importante ainda. Um bom exemplo para o futuro, esperemos.

 

[ordenar tópicos dos mais recentes para os mais antigos ] [voltar aos tópicos principais] [responder a "R T"] [mostrar fórum em arvore] [denunciar abusos]

R T
responde a R T:

Aliás, historiando um pouco sem ser maçador...

As adaptações foram uma constante nos idos dos anos 90 do Século passado, onde de repente se encontram, para lá desta acima, outras como "Cielito Tuno" - adaptação de Cielito Lindo, "Hino de Engenharia" - adaptação do Hino do SLB, "Candeias de Saudade" - adaptação de "Aí como é bom gostar de Alguém" ou ainda "Imagens de Outrora" - adaptação de "Imagenes de Ayer", entre tantas outras e para não maçar, dispenso nomear.

Curiosamente - ou talvez não - caíram em desuso, por assim dizer, por motivos vários que provavelmente não estarão longe quer da produção de temas próprios - uma das virtudes dos originais da própria tuna - ou então na procura de novas sonoridades a introduzir após uma época onde a tuna espanhola era o modelo e o caminho mais facil, pois, por um lado, e a procura de algo já existente mas adaptando letras mais condizentes ao ambiente estudantil então vivido. Depois veio a época da música clássica, depois a "moda" dos boleros e por aí fora. Provavelmente também foi esta "onda" de adaptações de temas conhecidos ela mesmo uma "moda" que, sintomaticamente, caracterizou uma época em concreto.

Fica o relato.

Abraços!

 

[responder a "R T"] [denunciar abusos]

Parceiros