Portugaltunas - Tunas de Portugal

Real Tunel Académico – Tuna Universitária de Viseu
0/5 (0 votos)

Real Tunel Académico – Tuna Universitária de Viseu

Portugal / Viseu > Tunas

O Mui Nobre Real Tunel Académico – Tuna Universitária de Viseu, marca a efeméride da sua fundação a 27 de Novembro de 1991.Nesse dia, os seus fundadores, reuniram-se no “Bóquinhas”, dele fazendo alfobre do grupo.

A actividade regular do grupo, ao longo dos anos seguintes, sempre em torno daquela famosa tasca, levaram bem longe o nome do “Bóquinhas” que se viria a tornar um autêntico santuário académico e tunante. Esta tuna, desde a sua fundação, congrega, alunos provenientes dos diversos estabelecimentos de Ensino Superior de Viseu, cada qual com traje distinto - o que motivou a adopção de um traje próprio, de tuna, em 1997, o qual recupera a indumentária romântica do “Siglo de Oro”, que as tunas espanholas recriaram no tempo do S.E.U. (Sindicato Espanhol Universitário), acrescentando-lhe traços que homenageiam figuras ímpares da história viseense: João e Barros e Grão Vasco. 

O percurso desta tuna é singular, dado ter começado primeiro a “correr la tuna” antes de assumir a feição institucional, baseando a sua actividade nas tertúlias musicais no Bóquinhas (quase diariamente) e nas muitas serenatas por que tantas, e lindas, donzelas suspiravam, em detrimento de palcos mais mediáticos. Inicialmente apelidadado, apenas, de Tunel Académico (Tunel que surge da fusão dos termos Tuna e Tonel – este último a lembrar as duas pipas que autrora existiram no Bóquinhas), só mais tarde adopta a sua actual designação. 

Durante os seus primeiros anos, os seus elementos militavam nas tunas das suas respectivas instituições de ensino, sendo o Real Tunel como que um ponto de convergência de sensibilidades, arte e engenho movidos pelo desejo de um projecto mais arrojado, mais à medida dos seus ensejos, mais autónomo e liberto da esfera de influência das respectivas associações académicas. 

Ao longo da sua história, o Real Tunel Académico de Viseu percorreu todo o território continental e insular, cantando e encantando, com a sua cordial simpatia e boa disposição tão genuinamente beirãs, apresentando-se nos mais diversos contextos. Fosse em concertos de beneficiência, em saraus, galas, romarias, festas populares e, claro está, nas muitas festividades estudantis e académicas, sem esquecer os muitos certames competitivos onde logrou alcançar inúmeros prémios, esta tuna palmilhou muitas canções, algumas das quais perenizou em edição discográfica editada em 1998, sob o título “Trovas Soltas” – ilustrativo da promoção de temas de autor (originais) que sempre marcaram esta tuna, a par, obviamente, com muitos outros que o grupo foi recolhendo e reproduzindo. 

No Brasil ou na Polónia, por terras de Espanha ou na mais recôndita aldeia do nosso território, na televisão ou na rádio (ou mesmo na Web), o Tunel cantou, e canta, sua cidade, a sua academia, sempre com renovado orgulho e honra de as representar, contribuindo, ao mesmotempo, para o enriquecimento do património e história tunante da região em que se insere. 

-----------------

URL Portugaltunas: http://www.portugaltunas.com/realtunelviseu

Site oficial: http://www.realtunel.pt.vu
Email: ****** (visível apenas a users registados/autenticados)

Directório

pesquisa alfabética:

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Parceiros