Portugaltunas - Tunas de Portugal

X ACORDES
/5 ( votos)

X ACORDES

Os Momentos Fantásticos Da 10ª Edição Do ACORDES...

No passado fim-de-semana, decorreu, em terras de Bocage, mais um ACORDES - Festival de Tunas Femininas da Escola Superior de Educação de Setúbal, pela sua 10ª edição organizado pela Tuna Sadina - Tuna Feminina da Escola Superior de Educação de Setúbal.

A festa começou logo na 6ª-feira, com um arraial académico que contou com a boa disposição das gentes charrocas, continuando o mesmo pela noite fora nos bares da cidade.

Por volta das 22 horas de Sábado começa o Festival no Auditório da Anunciada, com uma plateia, no início, na sua maioria composta por membros de tunas participantes e convidadas, mas que se foi compondo nos minutos seguintes.

O ACORDES começou com a exibição de um vídeo de poucos minutos onde se podia ver fotos de momentos importantes na história da Tuna Sadina, seguido de um pequeno espectáculo de sombras chinesas e ritmos que marcou a abertura da 1ª actuação da tuna anfitriã, que começou com uma adaptação, cantada por uma solista, do tema "Garça Perdida" de Dulce Pontes, seguida de "Abraço a Setúbal", original que animou o público e de seguida encerraram a sua primeira intervenção com outra adaptação, desta vez do tema de Fernando Tordo "Cavalo à Solta" e com a entrega de uma prenda de homenagem (um cavalo de peluche) aos ensaiadores da Tuna Sadina, Ricardo Caneiro e Sílvio Caeiro, ambos membros da ESTuna - Tuna de Engenharia da Escola Superior de Tecnologia de Setúbal.

Todas as apresentações das tunas que iriam tocar foram efectuadas com pequenos momentos de humor, em que duas personagens tentavam "roubar" o lugar à apresentadora. O público contou também com uma pequena intervenção da parte dos "homens da luta" interpretados por dois elementos da Tuna Sadina.

Após uma pequena introdução à mesma, entrou em palco a primeira tuna da noite. As Moçoilas - Tuna Feminina da Associação Académica da Universidade da Beira Interior que brindaram o público com 4 temas - "Lendas do Rio Douro", "As Sardinhas", o instrumental "Apache", o original "Tunamente Falando" e por fim o grito académico.

De seguida, subiu as Cavaleiras de Sellium - Tuna Feminina do Instituto Politécnico de Tomar, que tocou 5 músicas, "Maria Faia" adaptação do tema de Zeca Afonso, "Erva-cidreira" adaptação da música tradicional do Alto Alentejo, "Alecrim" adaptação da música tradicional portuguesa, o instrumental adaptado de uma música do grupo de Tomar, Quinta do Bill, e por fim "Fado Marujo" de Amália Rodrigues.

Depois do intervalo, subiu a palco a tuna convidada, a ESTuna - Tuna de Engenharia da Escola Superior de Tecnologia de Setúbal, padrinhos da tuna da casa, tocando "Cábula de um ESTudante", seguida de "Janela para o Mar" na qual recitaram alguns versos de Manuel Maria Barbosa du Bocage, "Outra Vez" foi a 3ª música, que antecedeu à serenata chamada "Sereia do Sado", e por fim "Vida de Tuno" e o grito académico marcado pela pequena passagem da música "As Meninas da Ribeira do Sado" dos Adiafa, desta feita "As Meninas das Praias do Sado", pequena terra onde moram muitos estudantes, situada muito perto do Instituto Politécnico de Setúbal.

Seguiu-se a actuação da EST'eS La Tuna Feminina - Tuna Feminina da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, que tocou, entre outras, uma adaptação do tema de António Variações, a "Canção do Engate", "Cidade de Lisboa" e "Barco à Vela".

Por fim, a TAFUÉ - Tuna Académica da Universidade de Évora, entrou em palco ao som da música tradicional conhecida como "Laurindinha" e com um "Cabeçudo" em palco feito pela tuna, tocando em seguida "O Ferreiro", o original "Madrugada", o "Instrumental" inspirado nas músicas do velho Oeste, "Namoradeira", a serenata "Olhos Negros" adaptação do tema de Teresa Salgueiro e "Amores de Estudante", abandonando o palco ao som de "Ritmo do Amor" de Emanuel.

Nos momentos seguintes, a Tuna Sadina subiu de novo a palco, animando mais um pouco a festa enquanto o júri deliberava os prémios, que foram os seguintes:

Melhor Porta-Estandarte - As Moçoilas
Melhor Pandeireta - As Moçoilas
Melhor Serenata - Cavaleiras de Sellium
Melhor Solista - TAFUÉ
Melhor Original - TAFUÉ
Melhor Instrumental - TAFUÉ
Melhor Tuna - TAFUÉ
Tuna Mais Tuna - TAFUÉ

A animação continuou na entrada do auditório com música e copofonia, tendo a multidão, posteriormente, seguido para os bares da baixa da menina do Sado.

Parceiros