Portugaltunas - Tunas de Portugal

/5 ( votos)

VI FITU "Terras de Cante"

Um "Terras De Cante" Muito Suigeneris.

O "Terras de Cante" deste ano pautou-se pelo cenário pouco usual em Tunas, a Feira Rural de Beja, onde o certame foi mais uma das atracções da mesma que expõe o que de melhor se produz em várias áreas nesta fantástica zona do país.

As Tunas vieram, pois, dar um colorido e animação tão característicos das mesmas a um ambiente já de si pleno de festa. Muita gente presente num pavilhão aberto nas laterais, cujo espaço ocupado pelo certame era pouco menos de metade do mesmo, com entrada livre ao público que visitou a Feira Rural e que assim disfrutou de Tunas como brinde adicional.

Quanto ao certame propriamente dito as actividades decorreram todas na mesma Feira Rural - refeições, festas e desfile, para lá das actuações de Sábado - o que logisticamente para as Tunas se tornou complicado e face à localização dos alojamentos - a 10 minutos do recinto e no centro da cidade - provocando caminhadas constantes entre os dois pontos. A noite de Sexta foi animada q.b. com festa em recinto contíguo e muita cerveja à descrição para as Tunas presentes, que iam chegando consoante as distâncias que cada uma teve de percorrer para chegar ao Alentejo.

No Sabádo a tarde foi preenchida com pequenos desfiles pelo recinto da Rural Beja e actuações divididas pelos vários pavilhões de exposição presentes, entre cervejas e porco no espeto que durante a tarde foi sendo habilmente tratado pelos anfitriões deste evento.

Quanto ao espectáculo propriamente dito, esteve à altura de um "Terras de Cante", pese o facto de o recinto escolhido não ser o mais indicado para um espectáculo de Tunas embora tenha sido contornado o - aparente - problema acustico com engenho e arte.

Apresentado pelo Serafim, conhecido comediante de Beja, as Tunas foram-se sucedendo com a qualidade conhecida a todas, não havendo nenhuma das presentes defraudado as expectactivas postas nas mesmas, com actuações que oscilaram entre o regular e o muito bom, tendo algumas apresentado formações mais reduzidas e face ao que habitualmente apresentam, embora todas devidamente compostas.


Participaram as seguintes Tunas:

- Estudantina Académica do ISEL
- Estudantina Académica da Madeira
- Tuna do Distrito Universitário do Porto
- Tuna de Económicas de Sevilha
- Real Tunel Académico - T.U.Viseu
- Tuna Universitária de Aveiro


o juri deliberou:

Melhor Pandeireta: Real Tunel Académico - T.U.Viseu
Melhor Estandarte: Estudantina Académica da Madeira
Melhor Instrumental: Real Tunel Académico - T.U.Viseu
Melhor Serenata:Tuna Economicas de Sevilla
Melhor Solista:Tuna Universitária de Aveiro
Tuna Mais Tuna: Real Tunel Académico - T.U.Viseu
Prémio Rural Beja: Real Tunel Académico - T.U.Viseu

3ª Melhor Tuna: Tuna Universitária de Aveiro
2ª Melhor Tuna: Real Tunel Académico - T.U.Viseu
Grande Prémio "VI Terras de Cante": Tuna do Distrito Universitário do Porto

A festa seguiu depois - e de forma expontânea - para uma conhecida discoteca no centro da cidade e que habitualmente acolhe os Tunos neste certame, num ambiente de festa que afinal carateriza este evento, onde o ambiente vivido foi de facto o mais importante a registar. Nota final para a organização - Tuna Universitária de Beja - que tudo fez para agradar às Tunas participantes, como é seu apanágio.


O Melhor: Ambiente de festa permanente entre Tunas e entre estas e o público da Rural Beja.

O Pior: Deslocações a pé entre o recinto e os alojamentos; a rever.


Para o ano há mais Terras de Cante!


Parceiros