Portugaltunas - Tunas de Portugal

Tuna Templária de Tomar conquista Estudantino
/5 ( votos)

Tuna Templária de Tomar conquista Estudantino

Tudo Sobre A 7ª Edição Do Estudantino

A Estudantina Académica do ISEL preconizou o seu VII Estudantino nos passados dias 6 e 7 de Março de 2009.

No dia 6 de Março, numa noite que prometia chuva, o Real República de Coimbra encheu-se de espírito académico no seu mais alto nível, trazendo para o Parque das Nações uma noite de jovialidade, irreverência e cultura musical, sendo notório pelos dois prémios atribuídos nessa mesma noite, Tuna mais Real e Tuna mais bebedora.

O último teve alguma contestação pacífica, devido à que fora realmente a Tuna mais bebedora. A 7 de Março surge o dia do Certame, este realizado numa Aula Magna a meio gás. Este factor que em nada perturbou o espectáculo, pois esta Sala de grande tradição tunante jamais poderia deixar qualquer Tuno ímpar a tal sentimento.

A noite previa as seguintes Tunas a concurso, T.A.S.C.A., Transmontuna, Tuna Templária de Tomar , Tuna del Colégio Mayor Loyola – Granada e Magna Tuna Cartola. A Extra-concurso a TFISEL, bem como, os anfitriões, Estudantina Académica do ISEL, havendo, também lugar a uma sessão de Bailarinas Sevilhanas.

A TFISEL e as Bailarinas Sevilhanas aguçaram o inicio do espectáculo, permitindo assim, a entrada da T.A.S.C.A. Esta, organizou-se em palco com cerca de 25 elementos, tendo conseguido uma boa actuação, principalmente com o seu instrumental que retirou muitas palmas do público, durante e após a sua execução. 

De seguida, a Transmontuna fez-nos viajar ate Trás-os-Montes, onde realizou uma actuação de grande empatia com o público, conseguindo com os seus 23 elementos, uma actuação com bastante interacção com o público. Nomeadamente, no fim da última música, quando se retiraram da formação e se colocaram na beira do palco. 

A vez dos Templários havia chegado, com mais de 30 elementos efectuaram uma excelente actuação. O público vibrou praticamente em todos os momentos da actuação. A sua actuação eclética e irreverente, onde aliaram muita qualidade musical com a essência do espírito Tunante. As coreografias divertidas dos pandeiretas, a alegria que transmitiram, permitiram um dos pontos mais altos do Festival. 

De Espanha, veio a Tuna do Colégio Mayor Loyola de Granaada com cerca de 30 elementos.  A  capacidade dos seus solistas destacou-se e estes preencheram por completo a Aula Magna. O seu timbre, afinação e colocação foram características acentuadas nas suas músicas.  Finalizando a sua prestação da mesma forma que a Transmontuna, na beira do palco, permitindo interacção com o público. 

Para completar o concurso, restava apenas a Magna Tuna Cartola. O público desde cedo que se tornou um forte aliado da Cartola. A sua irreverência, as suas transições musicais, o seu espectáculo visual a nível de bandeiras, permitiu à Cartola sair da Aula Magna de cabeça erguida. Os seus 32 elementos, mostraram mais uma vez toda a sua capacidade musical. 

Para finalizar, de enaltecer as actuações da Tuna Mística de Portugal e da Estudantina Académica do ISEL. Os primeiros, alegraram e muito o público, com os seus grandes êxitos, como, "o Balão Mágico". Os anfitriões, com mais de 50 elementos encheram por completo o palco, apesar do cansaço e rouquidão, não deixaram de reviver e conviver em palco, tanto entre si, como, para com o público. 

O Júri deliberou,  

Melhor Tuna: Tuna Templária de Tomar

2º Melhor Tuna: Tuna del Colégio Mayor Loyola – Granada

3ª Melhor Tuna: Magna Cartola de Aveiro

Tuna Mais Tuna: Transmontuna

Melhor Bandeira: Magna Tuna Cartola de Aveiro

Melhor Pandeireta: Tuna Templária de Tomar

Melhor Solista: Tuna del Colégio Mayor Loyola – Granada

Melhor Instrumental: Tuna del Colégio Mayor Loyola – Granada

Melhor Serenata: Tuna del Colégio Mayor Loyola – Granada

Melhor Desfile: Tuna Templária de Tomar

Tuna Público: Magna Tuna Cartola de Aveiro

Tuna Simpatía: TASCA

Tuna Mais bebedora: Transmontuna

Tuna Mais Real República de Coimbra: Tuna del Colégio Mayor Loyola - Granada

Prémio "Melhores Pernas": Tuna Feminina do ISEL

De notar, a qualidade de som, apesar de algumas Tunas terem sofrido de algum "feedback". Fora isso, a Aula Magna acolheu mais uma vez um excelente Estudantino.

A festa, seguiu-se na Pousada do Parque das Nações, onde de festa apenas se constatou o churrasco e a bebida. O cansaço era notório em todos os participantes do Estudantino.

Para a Estudantina Académica do ISEL, parabéns e até o próximo Estudantino, o 8º.

Parceiros