Portugaltunas - Tunas de Portugal

Noite de Serenatas de Aveiro: A Reportagem
/5 ( votos)

Noite de Serenatas de Aveiro: A Reportagem

Toda A Reportagem Sobre Este Certame Feminino.

E assim se viveu mais uma noite fantástica, uma verdadeira noite de música e tradição, onde a TFISEL - Tuna Feminina do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa saiu novamente como grande vencedora da noite.

O festival teve início no dia 26 de Fevereiro com uma Noite de Serenatas, que decorreu no Auditório do Museu Marítimo de Ílhavo, estando a apresentação a cargo do Jograis do OUP.

A M.T.Cartola, extra concurso, iniciou este espectáculo com uma divertida e irreverente actuação. Abriram com "Aveiro é", seguido do conhecido "Macho Português" e da sua serenata. Continuaram com "Touro" terminado com " Triste História".

A primeira tuna a concurso foi a Tuna Feminina do ISCAP. Após uma pequena introdução com um esquema de pandeiretas interpretou "Dá-me Lume" e "A moda das tranças pretas".

Seguiu-se a Tuna Feminina de Direito de Alicante. Numa interpretação divertida e animada, interpretaram "Amalia Rosa" e "Isla de la Primavera".

A terceira tuna a concurso foi a Tuna Feminina do IST de Lisboa, com temas como "Lágrima de Preta" e "Vocês Sabem Lá".
Após um curto intervalo subiu a palco a Tuna Feminina de Direito USMP (Peru). Com apenas cinco bravas participantes, brindaram-nos com "María La Portuguesa" e "La Mariquina".

Seguiu-se a actuação da Tuna Feminina do ISEL, interpretando os temas "Só gosto de Ti" e "Estudante Trajado".

Para terminar esta Noite de Serenatas, as anfitriãs, a Tuna Feminina da Associação Académica da Universidade de Aveiro, apresentando "Ria Sentida" seguido de "Cá sei". Após a subida a palco dos antigos elementos, interpretaram "Cuidei que tinha morrido" e "Hoy".

A festa continuou noite dentro no BE - Bar do Estudante da Universidade de Aveiro.
Depois de um acordar difícil, o almoço e depois o Pasacalles, antevendo uma grande noite de festival.

A XVI Noite de Serenatas Femininas realizou-se no Centro de Congressos de Aveiro, com a sala praticamente lotada. A Tuna Universitária de Aveiro, mais uma tuna da casa, abriu o espectáculo. Com cerca de 28 elementos, iniciaram a sua actuação com o seu já conhecido original "Barco de Aveiro" seguido do seu instrumental "Alavarium". Prosseguiram com o seu "Mix Zeca Afonso" seguido de "Malagueña", onde se destacou a prestação do seu solista, finalizando com "Amor à Beira Mar".

A primeira tuna a concurso foi a Tuna Feminina do IST de Lisboa. Com cerca de 26 elementos, iniciaram a sua prestação com um arranjo de "Cinderela" de Carlos Paião seguido de "Saudade" onde se destacaram as suas pandeiretas. Seguiu-se "Perdidamente", música de solista, e o seu instrumental, um medley de temas de Ennio Morricone. Para terminar a sua actuação interpretaram "Júlia Florista".

Seguiu-se a Tuna Feminina de Direito de Alicante, com 9 elementos iniciou a sua animada e divertida actuação com "Es por ti" seguido de "La Compostela". Prosseguiu com "La Noche se acaba", "Besame Morenito" terminando a sua actuação "Vagabundo de Santa Cruz".

A 3º tuna a concurso veio do Porto, no caso, do ISCAP. Com cerca de 20 elementos iniciaram a sua actuação com o conhecido tema brasileiro "Tiro ao Álvaro" seguido do seu tema de solista "O que foi que aconteceu" e do seu instrumental, onde se destacou a prestação da sua porta-estandarte. Seguiu com "Dá-me Lume", "Silêncio e tanta gente" terminando a sua actuação com "Cá vai a tuna", onde se destacaram as suas pandeiretas.
Depois de um curto intervalo, subiu a palco a Tuna Feminina de Direito USMP (Peru). Com apenas 5 elementos, iniciaram com um instrumental seguido de uma sentida e terna interpretação de "Oh gente da minha terra". Prosseguiu com uma serenata tradicional latino-americana "La Hiedra" terminando a sua actuação com uma música tradicional peruana "La Marinera".

Seguiu-se a Tuna Feminina do ISEL, com 22 elementos em palco, iniciando a sua actuação com um arranjo à capela de "Ele e Ela" seguido da sua "Ode à tuna". Prosseguiu com o seu tema de solista " Só gosto de Ti", onde se destacou a prestação da sua solista, apresentando de seguida o seu novo instrumental "Tradições". Prosseguiu com "Rapazote" terminando com "Lisboa e o Tejo" onde se destacaram as suas porta-estandarte e pandeiretas.

Por fim subiu a palco a tuna organizadora, Tuna Feminina da Associação Académica da Universidade de Aveiro. Com cerca de 25 elementos em palco, iniciaram a sua actuação com "Garça Perdida" seguido de "Todas as ruas do amor", terminado a sua actuação com "La ventanita".

Após um sorteio de rifas, organizado pela TFAAUAv, seguiram-se os resultados...


Pasacalles - Tuna Feminina de Derecho de Alicante
Serenata - Tuna Feminina do ISEL
Solista - Tuna Feminina do ISEL
Instrumental - Tuna Feminina do IST
Pandeireta - Tuna Feminina do ISCAP
Estandarte - Tuna Feminina do ISCAP
Tuna + Tuna - Tuna Femenina De Derecho USMP (Peru)
Melhor Tuna - Tuna Feminina do ISEL
Resta-me agradecer à TFAAUAv, em particular à Karina Lopes, o acolhimento e disponibilidade manifestadas. Muitos parabéns por mais este evento e boa sorte para o próximo Noite de Serenatas Femininas!

Parceiros